Sorteio de Aniversário do Blog

domingo, 9 de agosto de 2015

A curiosidade "matou o gato"

A curiosidade "matou o gato"
Esse é um ditado popular usado para alertar uma pessoa de que um mal pode ocorrer se ela for muito curiosa.
Na Europa da Idade Média as pessoas não gostavam de gatos e aprendiam que os gatos pretos traziam má sorte.
Assim preparavam armadilhas.
A curiosidade do gato realmente acabava levando-o a morte.

Não é o caso que me refiro aqui, de forma tão dramática, porém me chamou a atenção o número de visualizações no blog no domingo passado.
Seria pelo prestígio que o blog tem? Seria pelo meu prestígio?
Ou seria simplesmente para saberem o que eu iria dizer a respeito do que disseram por ai?

Evidente que foi a 3ª pergunta.
Até porque pelas minhas estatísticas, domingo não é um bom dia de visualizações, ainda que seja melhor que sábado.
Final de semana a turma quer curtir e não se liga muito na internet, fora as redes sociais logicamente que estão sempre bombado a qualquer dia da semana.

Dentro dessa estatística eu me perguntei?

O que realmente as pessoas gostariam de ler aqui neste espaço.
Será que procuram informações sobre o fusca e algumas dicas que procuro postar para ajudar os que assim como eu, não entendem muito do assunto e procuram aprender?
Ou será que as fofocas fomentadas e o jogo de intrigas que se formam nos grupos são muito mais relevantes que a verdadeira intenção que tive quando fiz a primeira postagem a muito tempo.

Bem da verdade o Fusca não é tão somente uma máquina de fazer amigos!
Seria ótimo pensar que só esse lado existe.
O problema é que o mesmo fusca que hoje aproxima alguém seja lá pelo motivo que for, amanhã ou depois, dependendo de quem se trata, passa a ser objeto de inveja ou discórdia.

Pode ser por postura, modo de vestir, no que se trabalha e até mesmo se tens mais ou menos facilidade de comunicação.

Enfim, estar em grupo requer muita complacência.
Exercício de reconhecer que uns são mais ou menos polidos e que as bagagens que se carrega da vida podem ou não ter nos ensinado alguma coisa.

O ato de contribuir te mistura a tudo e a todos que estão envolvidos em determinada situação e com isso tu poderás ser julgado ou até mesmo saudado por uma ação contributiva.

Eu sei bem o que faço. Sei o que digo e os que me conhecem mesmo sabem do que eu estou falando.
Sempre fui crítico e observador, nunca deixei de me colocar mesmo nas situações mais complicadas.

Só que tudo isso cansa e desgasta.
E aquela idéia que tudo nesse meio é tão legal perde o sentido quando quem divide o mesmo prazer que tu tens de andar de fuca, te parte ao meio e transforma toda a forma lúdica de viver com o fusca em escárnio!

Por tanto fico com esse espaço não para bater e rebater seja lá o que for que digam, porque o propósito será sempre o inicial.

As alegrias de ter um fusca! No meu caso o Macfuca!

Cuidado por que como diz o ditado: A curiosidade matou o gato!



Nenhum comentário:

Postar um comentário